Avançar para o conteúdo principal

"Significado do Tratamento Nutricional por pacientes Diabéticos"

Essa Tese de Mestrado realizada pela Nutricionista Núbia Cruz relata os significados do tratamento nutricional pelos pacientes diabéticos na Santa Casa de Misericórdia do Município de Serrinha- Bahia,  local onde desenvolve as suas atividades como Nutricionista Clínica. Vale a pena a leitura.
Segue resumo da monografia e link para download.
"O diabetes em Serrinha, município baiano/Brasil, tem sido cada vez mais prevalente, e o tratamento proposto pelo serviço de saúde pública não tem sido eficiente para controlar este quadro. Nesse sentido, o presente estudo, de abordagem qualitativa, pretendeu compreender os significados desta enfermidade – tratamento, particularmente a nutrição - atribuída por pacientes que a vivenciam e são atendidos no Ambulatório de Nutrição da Santa Casa de Misericórdia – entidade filantrópica sem fins lucrativos, neste município de Serrinha. Para atender este objetivo, buscou-se especificamente, descrever o cotidiano dessas pessoas em relação ao tratamento proposto pelo serviço de saúde, aceitação, rejeição, conflitos, hábitos e
crenças através de entrevistas em profundidade com os pacientes. As narrativas desses sujeitos na Santa Casa formaram um conjunto de informações que foram analisadas. O processo de trabalho de campo pretendeu contribuir para uma maior aproximação do paciente diabético e a compreensão sobre seu  tratamento. Sobre este aspecto, presume-se que, apesar da complexidade da significação sobre o sofrimento em geral, ao descortinar o mundo intersubjetivo dos sujeitos e seus significados sobre a doença, torna-se possível a parceria no tratamento. Foi realizado um questionário de perguntas semi-abertas para caracterizar alguns dados iniciais, para uma breve seleção dos principais informantes do estudo. Depois, foram feitas entrevistas semi-estruturadas ou em profundidade, em que cada paciente foi revisitado tantas vezes quantas foram necessárias para uma obtenção sobre os significados da doença diabetes: como a sente, como a interpreta, como se descreve o tratamento, foram as perguntas centrais desta investigação. Das narrativas acolhidas, os significantes foram separados para servirem como referências analíticas. Finalizando alguns hábitos alimentares sertanejos foram incorporados e adequados à prescrição dietoterápica dos pacientes, reforçando-se a noção de que é preciso entender a cultura, a tradição e os “habitus” dos pacientes, pois orientações sem interação e maleabilidade, reproduzem um discurso acadêmico autoritário, meramente
normativo e com pouca ou nenhuma eficácia terapêutica. Os resultados das análises dos significados sobre o diabetes e o tratamento em Serrinha, foram discutidos com os profissionais de saúde e os próprios pacientes como uma contribuição para a melhoria dos serviços prestados à população neste município..."
Download aqui ou através do Pluridoc