Avançar para o conteúdo principal

Dieta Ravenna, a nova moda para perda de peso

A dieta Ravenna é uma dieta de baixas calorias que provoca o rápido emagrecimento, foi criada pelo médico e psicoterapeuta argentino Máximo Ravenna. Ele desenvolveu o programa de perda de peso que atualmente está a ser a "onda" dos famosos e não só.   

Como toda "dieta" que se preze, a Ravenna, define-se pelo controlo alimentar, plano de atividade física individualizados, juntamente, com acompanhamento psicológico. Claro que sendo uma "dieta" criada por um médico e psicoterapeuta,  não deixaria de ver a importância de se trabalhar  o psicológico para atingir os objetivos desejados, no caso, a perda de peso. Isso para mim e para a maioria dos meus colegas de profissão não é novidade, aliás, também aconselho este tipo de acompanhamento aos meus utentes (pacientes) quando faz-se necessário.  

A dieta Ravenna apesar de ser personalizada, possui alguns princípio que direcionam os seus programas elaborados para a perda de peso, por exemplo; a redução radical do consumo de produtos que contenham farinha branca, doces e hidratos de carbono e a organização em 4 refeições ao dia; pequeno-almoço (café da manhã), almoço, lanche da tarde  e jantar.

Será que que essa deita Revanna funciona mesmo?

Quando surge esses tipos de dieta o que penso logo é; pronto, agora é a correria atrás de como fazer essa dieta que fulano, beltrano e cicrano famosos, é claro, fizerem ou estão a fazer e ficaram magrinhas, esbeltas, sem perceberem que podem está a por as suas vidas em risco, pois uma dieta de restrições, de baixas calorias por dia  pode causar comprometimentos irreversíveis a saúde.

Uma coisa é se ter condições e possibilidades de poder ter o apoio na própria clínica do criador desse programa para emagrecimento e sua equipa (equipe), outra coisa é fazer por conta própria e em casa essa dieta.

Como a maioria das dietas de moda essa, também, segue o caminho da restrição calórica, diminuição das refeições diárias e, consequente, perda de peso rápida. Isso já expliquei várias vezes aqui que leva ao clássico estado de emagrece, engorda, emagrece, engorda... e outras consequências para a saúde.

Pergunta-me se sou contra ou a favor dessa dieta?

Respondo que não sou contra essa dieta especifica, mais sou contra a qualquer proposta de perda de peso rápida, com restrições excessivas que não priorize a equilibrada distribuição das refeições diárias e uma reeducação alimentar. Essas dietas são um ciclo perigo e podem ocasionar complicações sérias de saúde, inclusive o oposto da obesidade, a anorexia.

Já disse, vezes sem conta, que propostas milagrosas para perda de peso rápida são ilusões e que a obtenção do peso saudável deve ser construída de dentro para fora com mudanças efetivas e conscientes.

O maior ganhador com as dietas de moda são os seus próprios criadores.
Pense nisso! 

Se ame, escute o seu corpo e cuide bem dele!

Imagem: Freepik
Para saber mais